Skip to main content

Construir uma sociedade livre, justa e solidária

Uma multidão, incluindo você, não foi aos atos para gritar Lula Livre e nem foi para os atos pro-Bolsonaro.

Você, como a maioria dos brasileiros, não concorda com esta mulher, muito menos com a agressão destes três homens.

Mas você não estava satisfeito com o Brasil petista e nem está agora com o Brasil bolsonarista. Eles se parecem muito um com o outro, seus métodos são os mesmos, pela esquerda e pela direita.

O Brasil é maior que essas duas ideologias atrasadas. O nosso país é rico e tem um povo trabalhador que deseja respeito, paz e um futuro, com dignidade.

Temos muitas feridas abertas e queremos trata-las uma a uma. Mas esses dois grupos tem por objetivo sangra-las para arrebatar a sociedade pela dor.

O machismo precisa ser banido. O femininos precisa ser combatido. A pobreza e a desigualdade precisam ser extintas. O meio ambiente precisa ser equilibrado. Os índios, precisam ser defendidos. Os negros precisam de igualdade racial. Os homossexuais precisam de respeito.

O Brasil já sofreu muitas ditaduras, as duas últimas, a ditadura varguista e a militar, deixaram sequelas e aumentaram as feridas nacionais.

Tudo pode ser alcançada com democracia, instituições fortes e transparentes nas mãos de todos os brasileiros e não aprisionadas por grupos ou corporações.

Chega de manipulação a esquerda e a direita. Queremos um Brasil forte e rico para todo o povo. Queremos o que está escrito no art. 3.º da nossa Constituição Federal.

Art. 3º Constituem objetivos fundamentais da República Federativa do Brasil:

I – construir uma sociedade livre, justa e solidária;

II – garantir o desenvolvimento nacional;

III – erradicar a pobreza e a marginalização e reduzir as desigualdades sociais e regionais;

IV – promover o bem de todos, sem preconceitos de origem, raça, sexo, cor, idade e quaisquer outras formas de discriminação.

zecarlos

Advogado, pós-graduado em Direito Ambiental, especialista em povo, principalmente o povo paraense.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *