Skip to main content

O dinheiro da saúde e educação correm riscos

O Senado Federal vai iniciar um debate para desvinculação de receita do orçamento da União, estados e municípios, as áreas mais visadas são as da saúde e educação. Se isso acontecer vamos ter prejuízos graves para estas duas políticas públicas fundamentais aos mais pobres do país.

Os gestores alegam que o orçamento público está engessado e que assim terão mais liberdade de administrar os recursos públicos. Pois foi isso que os constituintes não queriam que acontecesse, uma vez que o prejuízo para os mais necessitados são enormes. Mesmo com as receitas vinculadas a saúde e a educação ainda não atingiram os patamares desejados, calculem se começaram a retirar investimentos desses setores como será?

zecarlos

Advogado, pós-graduado em Direito Ambiental, especialista em povo, principalmente o povo paraense.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *