Skip to main content
img_0703-1.jpg

Derrotar os corruptos só com muita consciência

  Permita-me uma pequena conversa. Não há hipótese de vencer qualquer eleição sem dinheiro. O custo aumenta se o candidato é pouco popular, mas sempre terá custo. 
O problema é como conseguir levantar recursos para uma campanha limpa e decente de forma ética? 
Na atual legislação, só através de doações expontâneas dos eleitores. Mas os eleitores no Brasil não estão acostumados a apoiar financeiramente os candidatos. Acham que político é rico, mentiroso e corrupto. 
Os políticos ricos, mentirosos e corruptos existem sim e não vão pedir dinheiro para eleitores, dinheiro eles têm o suficiente para comprar os votos que precisam para se eleger com folga. 
Mas e o candidato que precisamos para melhorar a política, honesto, comprometido, desprendido, capaz de apresentar as melhores propostas para nossas cidades melhorarem? 
Este não tem dinheiro para minimamente se apresentarem com opção e mesmo pedindo apoio não recebem. Os eleitores que desejam mudanças são desconfiados de todos, por tanto, os bons não se elegem. O resultado é que as mudanças com as quais tanto sonhamos nunca vem. 
Quem muda a política não são os políticos atuais, a mudança só virá por meio dos eleitores conscientes e capazes de entender que seu apoio é decisivo. 
Este dia pode chegar e pode ser de baixo para cima. Primeiro bons prefeitos e vereadores, depois deputados, senadores, governadores e presidente. Basta que os eleitores conscientes entendam que os políticos atuais fizeram regras para derrotar as mudanças e os derrotem com suas consciências e participação.

zecarlos

Advogado, pós-graduado em Direito Ambiental, especialista em povo, principalmente o povo paraense.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *