Skip to main content

General evangélico para catequizar índios

O PSC – Partido Social Cristão, partido ligado a Assembleia de Deus, negociou apoio ao governo Temer para indicar um General como presidente da FUNAI – Fundação Nacional do Índio, com objetivo de abrir as aldeias para catequização evangélica dos índios brasileiros. O plano falhou porque a Folha de São Paulo antecipou a nomeação e houve muitos protesto fazendo o governo recuar.

Os indígenas brasileiros foram e são vítimas de massacre cultural promovido pela igreja católica a serviço do colonizador português há mais de 500 anos e agora, vem outros cristão e dirão que tudo aquilo que lhes foi imposto, não é bem assim. Que o cristo ensinado pelos missionários católicos tem outra cor e fez coisas diferente daquelas que os padres disseram. Que além de orar em pentecostes, para alcançar a salvação, os índios precisam doar dez por cento de todo o dinheiro que recebem dos programas sociais do governos ou da permissão ilegal para exploração de madeira ou minérios feitos clandestinamente em suas terras.

O Brasil precisa ser passado a limpo em tudo por tudo. Os índios tinham e tem os seus deuses e suas crenças, seu modo de vida saudável e harmônico com a natureza, eram detentores de civilizações muito avançadas que foram dizimadas por portugueses havidos por riquezas para pagar por crimes cometidos em seu país de origem.

Os erros são históricos e os filhos são do Brasil. O estado laico não existe. A política sem patrimonialismo não se sustenta. Mas os males que tudo isso provoca, tem um endereço certo, a miséria que o Art. 3.º, da Constituição Federal prometeu combater como uma das razões da própria existência da República Federativa do Brasil.

Acredito na sociedade e não mais nesta classe política nacional, no sistema e na forma como elegemos nossos representantes. A punição dos políticos que misturam religião, família e negócios com as coisa res pública, precisa ser exemplar com voto consciente por parte do cidadão.

 

zecarlos

Advogado, pós-graduado em Direito Ambiental, especialista em povo, principalmente o povo paraense.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *