Skip to main content

Círio de Bragança

Dou uma pausa na luta por uma OAB livre de intervenção para dedicar-me a devoção por Nossa Senhora de Nazaré e por Bragança, duas paixões maravilhosas.
Neste momento estou indo ao Círio Fluvial. O Círio Fluvial sai do caís da Cidade e vai até a Vila de Camutá, lá a imagem é colocada no Barco principal e vem pelo rio Caeté (Caeté em tupi significa mata boa ou cabeça dura para significar os índios) até o cais onde é recebida pela multidão de fies. Segue até o Colégio Santa Terezinha onde aguardará a transladação.

zecarlos

Advogado, pós-graduado em Direito Ambiental, especialista em povo, principalmente o povo paraense.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *