Skip to main content

22 comentários em “Não a intervenção na OAB Pará

  1. Rapaz, nem barulho eles sabem fazer mais? Eu soube que foi um fracasso só, porque Jarbas voltou atrás e não liberou maism dinehiro para os sindicalistas!

  2. Se o "anônimo" soubesse contar teria visto que deram muito mais que cem pessoas. E se não fosse burro saberia que não é passeato é ato contra a intervenção

  3. Essa foi a primeira de muitas OTARIO, estas pensando que somos frouxos como vcs que se escondem atras de cargos e de politicos corruptos,principalmente tu safado,que te mantem anomino mais que todo mundo sabe quem é.Te cuida, que a Ação popular tá chegando em ti.

  4. Calor e sem dinheiro!!!!
    Jarbas prometeu a grana mas voltou atrás porque ia ser desmascarado mais uma vez. Sem a grana a turma preferiu ficar em casa kkkkk

  5. A advocacia não está calada: está falando! FICA INTERVENTOR! FORA JARBINHA! Outros atos virão, dessa vez com pagamento de propina! Sem dinheiro no bolso, sindicalista não sai de casa.

  6. Como é o poder, quando o Jarbas era o dono da OAB era rodeados de "amigos", como caiu esta turma capou o bode! Um dos poucos que ainda tenta justificar o injustificavel é voce.

  7. "Começando muito bem"??????
    Hilário este anônimo.
    Conta outra piada.
    O Jarbas chorou após mais este fracasso. Deus sabe o que faz. Mas ele prefere essa humilhaçõa à renúncia. Triste, lamentável.

  8. Caramba, os advogados deram mesmo seu recado: estão aprovando a intervenção! Não foram aqueles 400 advogados que diziam apoiar o Jarbas. Ou que Jarbas "achava" que o apoiavam.

  9. PARABÉNS AOS VERDADEIROS DEFENSORES DA ADVOCACIA, DA MORALIDADE E DA DEMOCRACIA. AOS QUE MANIFESTAM REPUDIO AO ATO AUTORITÁRIO E GOLPISTA DA INTERVENÇÃO. ESSA FOI APENAS UMA DAS VARIAS AÇÕES DA ADVOCACIA PARAENSE CONTRA O ATO ILEGAL PATROCINADO PELO OPHIRZINHO. FORA AOS INTERVENTORES E AOS GOLPISTAS QUE MACULAM A IMAGEM DA ADVOCACIA PARAENSE.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *